sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Umbiguismos

A Fernanda Câncio tem escrito vários artigos sobre os professores nos últimos tempos. Muitos não são simpáticos para a classe e, por vezes, um pouco demagógicos, mas o assédio de que deve estar a ser alvo pelos que lhe escrevem deve fazer qualquer um perder a cabeça.

Independentemente disso, a confissão do Paulo Guinote sobre o artigo de hoje foge completamente ao essencial. A Fernanda Câncio cita uma série de estatísticas da OCDE que permite colocar a educação em Portugal no mapa dos países mais prósperos. Alguns dos números são impressionantes - e um dia iremos a eles aqui neste blogue - e, claro está, desconhecidos da larguíssima maioria da classe docente portuguesa.

Esta atitude - feita de um misto de provincianismo, de elogio da ignorância, e de desprezo pela comparação do que é a realidade de profissionais de outros países (já para não falar da comparação com a realidade de outros profissionais em Portugal...) - é, afinal, compreensível. É a prova do umbiguismo da maioria dos professores. E da aversão a fazer perguntas como: será que as nossas condições são assim tão más, tendo em conta que trabalhamos numa das sociedades menos prósperas da Europa? será que não podemos fazer mais para melhorar um pouco a escola e a educação em geral em Portugal? será que o escarafunchar das nossas feridas profissionais não tem limites, perante a crise que a maioria dos portugueses vive?. São muitas outras perguntas deste género que ficam por responder...

5 comentários:

xico ribeiro disse...

Cuba celebra el día de los derechos humanos con detenciones masivas de opositores del gobierno


ABC.ES

La Habana.- El gobierno cubano celebró ayer a su modo el Día Mundial de los Derechos Humanos: una treintena de opositores de distintas agrupaciones fueron detenidos entre ayer y anteayer en la capital y en las provincias de Villa Clara y Santiago de Cuba, según denunciaron fuentes de la disidencia interna.

El arresto de los opositores de las provincias se produjo cuando se disponían a viajar a La Habana para participar en los actos programados ayer en protesta por las violaciones a los derechos humanos. Entre los detenidos figuran Jorge Luis García «Antúnez», Guillermo Fariñas, Idania Yanes o Lázaro Alonso, señaló a ABC el activista de derechos humanos Elizardo Sánchez, que subrayó que la mayoría seguía bajo arresto ayer por la tarde

A. Moura Pinto disse...

Apoiado.
E eu faria mesmo uma recomendação ao Paulo Guinote: que leia os textos que publica e que diz serem de outros (alguns) e os comentários. E, quanto a estes, o nível a que chegam alguns dos seus autores, aparentemente professores.
Pelo muito que já li por lá, os professores nem precisam que sejam outros a denegrir a respectiva classe. Nisso, alguns professores surpreendem. Infelizmente.

Anónimo disse...

Caro Moura Pinto nisso tem razão.

O blogue do "regulozito" PG e alguma da canalha que nem considerar posso meus colegas de profissão, conseguem dar a ideia de uma classe de baixo calibre ético e intelectual, o que não é verdade.

Infelizmente é uma franja de indivíduos, que representa aquilo que representa: o que de pior existe na nossa profissão e nós conhecemos esta gente da sala de Professores: restritos de ideias, boçais, ignorantes até dizer chega. E quando digo, colegas, nem sequer estou a falar de géneros, porque mal-amadas, solteironas desarboradas, frustradas de todo o tipo, também aqui cabem.

Acha, acham os leitores deste blogue que exagero? Até nos nicks, são trágicos e reveladores do que escondem. De tudo desde " bois imundos" até "Ignorantes de", raivas disto. Acham isto normal? Então leia-se e publique-se para se perceber algum do trágico que vai desgraçando a classe docente, apoucando-a, achincalhando-a e fazendo perante a opinião pública o todo pela parte! Por estas e outras, sempre percebi que íamos perder, mesmo nas reivindicações mais justas e sobretudo dar uma imagem de tristeza intelectual, mais do que temos dado com frases estúpidas, slogans cretinos, cartazes ridículos, docentes que nem falar sabem.
Reparem nestas "pérolas" de escrita indecente:

"“A armndina que não arranja homem e foi-lhe prometIda uma noite com o pedreirA E O vALTER…E DOZE PELINTRAS…IMAGINEM QUE FOSSE AO CONTRÁRIO…ACHAM QUE A TELEIVISÃO IA DAR ESTA NOTICIA…?

Contra aos cabr..oes
marchar marchar..
nação pelintra
e fedorenta..

ás pilAS …ÁS PILAS…CONTRA OS CUS ENTRAR ENTRAR..

De joelhos e boca aberta é a posição preferida dos socialistas..a de missionário está out…

Ouvi dizer que o Sócrates ficou chateado por o seu filho não ter sido morto pelos assaltantes…dizem que deste modo pagava menos IRs…

Para os chupadores de pilas…que por aqui abundam e sobem no seu emprego por isso…não é Ts…?

Percebo agora porque é que há tanto swing entre os jornalistas…

É copofrágica..
Coprofagia,copro em latim significa “fezes” e fagia “ingestão” sendo assim: prática de ingestão de fezes. Isto ocorre naturalmente em algumas espécies de animais, como cães, gatos, insetos e aves. Relata-se também tal prática em seres humanos, porém sob a categorização de patologia de ordem psíquica, ou desvio sexual (variação da coprofilia). Existe farto material de ordem hedonista a respeito do tema, principalmente proveniente do oriente. Em práticas de dominação sexual entre duas ou mais pessoas a pessoa dominante por vezes pode defecar sobre seu escravo, não só no corpo mas como também no rosto ou até dentro de sua boca obrigando-a até a ingerir suas fezes (da pessoa dominante) isto também é denominado “scatsex”.

Há muita gente na nossa classe que deve adorar comer mer**da, pois é mer**da tudo isto que o ME nos quer fazer engolir!

quem deve ler este blog é o filho dele, o pedro sousa tavares

Mais um a quem terei o prazer de rapar a melena toda, o tal tipo fascista todo de esquerda.
Em tempo, todos os fascistas recentes, vá lá, cem anos, tentando perpetuar a Idade Média, foram com êxito graças à mamâ.

Gusanos como o contra a maré
esmagam-se com o pé

Não percam tempo com essa sub-espécie.

Uma das professoras que foi falar com a Ministra esta tarde é a Directora da escola secundária Soares Basto.
Pode-se mandar um mail…
Email: Na página da escola é possível deixar-lhe um comentário a “aplaudir”…
Vai-se por aqui:
Em nome das BRAS…”


Leram bem? Isto é um décimo do que se vai escrevendo no blogue do "regulozito", ele o "grande irmão", ele que pequenito quer ser grande a todo o custo da visibilidade. Coitado!

Era disto que a minha classe deveria ser poupada, por avaliação, ou designação de "olho da rua.

Quemtemmedodaavaliacao disse...

Caro anónimo, nem sei o que responder, perante essa prosa...

Francisco disse...

Os Anónimos que tenham coragem e se identifiquem.